Diego Ruiloba e Óscar Palomo demarcam-se dos demais nos três primeiros troços

Foram três as especiais desta 1ª Etapa do 45º Rallye Villa de Llanes, quinta prova pontuável para a PEUGEOT RALLY CUP IBÉRICA, cerca de 28 quilómetros e meio contra o cronómetro, que estruturam um pódio ainda muito provisório, mas onde estão aqueles que, nesta fase, mais parecem apontar aos cetros de 2022.

É de Diego Ruiloba / Andrés Blanco a vantagem inicial, os mais rápidos em dois desses troços, deixando para Óscar Palomo / Ángel Vela, seus adversários à vitória e aos títulos, a melhor marca no restante. Demonstrando esses ambiciosos objetivos, foram os únicos a entrar a fundo no rali, terminando o primeiro dia com 3,6 segundos entre si, já relegando o atual 3º classificado – a dupla de estreantes César Palácio / David de la Puente – para uns expressivos 27,9 segundos.

Entre os concorrentes que iniciaram a prova da Escudería Vila de Llanes estão os dois PEUGEOT 208 Rally4 lusos, nas mãos de equipas que demonstraram andamentos díspares. Se Ricardo Sousa / Luis Marques ocupam o 5º lugar provisório, a pouco mais de 8 segundos de Roberto Blach / Mauro Barreiro (4º da geral), Ernesto Cunha / Rui Raimundo tiveram um início para esquecer, terminando o dia na 9ª posição, o que coloca em perigo o 2º lugar no ranking de pontos em que iniciaram esta penúltima prova da copa 2022.

Fruto das pontuações acumuladas nas anteriores quatro jornadas – três em Portugal e uma em Espanha – são, assim, as duas equipas que atualmente encimam a tabela de tempos que melhor podem olhar para os potenciais títulos de ‘Campeões’. Posições que, no final do rali, deverão ficar bem mais clarificadas, ainda para mais porque ambos poderão aproveitar o valioso fator de multiplicação de pontos, detalhe inédito na copa co-organizada pela PEUGEOT Portugal e PEUGEOT Espanha, com a logística da Sports & You.

Mas ainda há muito para se correr amanhã (sábado), numa etapa com 117,06 quilómetros cronometrados: de manhã repetem a passagem de hoje por Nueva (19,98 km) e fazem o troço de Altu’l Fitu (14,40 km); de tarde irão cumprir, por duas vezes, os troços de La Tornería (11,42 km), Alles (7,94 km) e Cobijeru (21,98 km), sendo a primeira volta desta última a Power Stage do rali, atribuindo-se pontos extra às três equipas mais rápidas. O final do rali, com a respetiva consagração dos vencedores, está agendado para as 19h20.

 

 

ASFALTO DAS ASTÚRIAS IRÁ DEFINIR CANDIDATOS AOS TÍTULOS

Cumpridas que estão as primeiras três Especiais do 45º Rallye Villa de Llanes, quinta prova da PEUGEOT RALLY CUP IBÉRICA 2022, é a dupla Diego Ruiloba / Andrés Blanco que assume uma liderança ainda muito provisória do rali, impondo-se por apenas 3,6 segundos a Óscar Palomo / Ángel Vela, seus adversários à vitória e, no caso do piloto, ao título respetivo.

Logo pela manhã estas duas equipas demonstraram ao que vinham, sendo, por ordem inversa, as mais rápidas na sessão de Shakedown preparativa do rali, troço em que se assistiu ao abandono de Andres Marieyhara / Ariday Bonilla, devido a um despiste mais aparatoso. O verdadeiro rali sairia para a estrada ao final da tarde, com um o grupo de 10 PEUGEOT 208 Rally4 a fazerem-se aos três troços e seus 28,52 km cronometrados.

No maior, os 19,98 km de Nueva (ES1), o mais rápido seria Palomo, impondo-se por 3,5 segundos a Ruiloba. A terceira melhor marca ficava para os rookies Cesar Palacio / David de la Puente, mas a uns já longínquos 15,7 segundos. Aqui os melhores portugueses foram Ricardo Sousa / Luis Marques, com a quinta marca, resultado oposto ao dos conterrâneos Ernesto Cunha / Rui Raimundo, que, não indo além do 9º tempo, já quase inviabilizaram um potencial bom resultado final, fazendo perigar bastante a 2ª posição que ocupavam no ranking geral da copa, antes do arranque desta jornada.

Seguiu-se o bem mais pequeno Los Carrilles (ES2), onde os dois melhores tempos ficaram para Ruiloba e Palomo, com o primeiro a recuperar nos seus 6,7 km todo o tempo perdido na ES1, assumindo, com isso, a liderança provisória do rali. O terceiro melhor tempo ficou, desta feita, para Sousa, voltando Cunha a repetir o nono tempo.

Este curto primeiro dia terminaria no troço-espetáculo de Llanes (ES3), sendo que nos seus apenas 1,84 km foi Ruiloba a reforçar o estatuto, batendo Palomo por 2,6 segundos e Roberto BLach / Mauro Barreiro por 3,7 segundos. Sem alterações, Sousa voltou a ser o 5º mais rápido e Cunha o 9º.

Contabilizados os tempos destas três especiais, de um total de 11 previstas, o top-3 desta quinta e penúltima prova de 2022 está assim ordenado: 1º Diego Ruiloba; 2º Óscar Palomo, a 3,6 segundos; 3º César Palácio, a 27,9 segundos. O melhor luso é, naturalmente, Ricardo Sousa, a 48 segundos redondos do líder.

Sublinhe-se, também, o facto de Ruiloba e Palomo ocuparem, respetivamente, os 9º, e 10º lugares à geral deste rali pontuável para o SuperCampeonato de Espanha de Ralis de Asfalto. São ainda líderes entre as viaturas do grupo Rally 4 e entre as da categoria 2, resultados demonstrativos da competitividade deste produto PEUGEOT Sport, desenvolvido para os troféus a nível mundial, onde se inclui a PEUGEOT RALLY CUP IBÉRICA.

 

 

 

PEUGEOT RALLY CUP IBÉRICA 2022 – RALLYE VILLA DE LLANES

CLASSIFICAÇÃO GERAL (APÓS ES3)*

 

1º Diego Ruiloba (1º Junior) / Andrés Blanco, 19m58,8s

2º Óscar Palomo (2º Junior) / Ángel Vela, 3,6s

3º César Palácio / David de la Puente, a 27,9s

4º Roberto Blach (3º Junior) / Mauro Barreiro, a 39,6s

5º Ricardo Sousa / Luis Marques, a 48,0s

6º Ferrán Ameyrich (4º Junior) / Eric Bellver, a 1m03,4s; 7º Santiago Garcia (5º Junior) / Nestor Casal, a 1m14,0s; 8º Adriá Serratosa / Anna Tallada, a 1m32,6s; 9º Ernesto Cunha / Rui Raimundo, a 1m51,4s; 10º Luis Martínez / Javiera ‘Javi’ Monserrat, a 2m29,4s.

 

Abandonos: Andres Marieyhara / Ariday Bonilla (Shakedown); por confirmar o regresso amanhã em SuperRally.

 

Todos em PEUGEOT 208 Rally4

 

* Classificação provisória até à publicação dos resultados oficiais pela organização da prova.

 

RALLYE VILLA DE LLANES 2022 – HORÁRIOS DE SÁBADO**

Organizado pela Escudería Vila de Llanes, o 45º Rallye Vila de Llanes prossegue amanhã com a 2ª Etapa que terá início pelas 08h00, correndo-se os restantes 117,06 km cronometrados do rali.

As equipas começam por repetir a passagem de hoje por Nueva (19,98 km; ES4 às 19h43), fazendo, depois, o troço de Altu’l Fitu (14,40 km; ES5 às 09h36). À tarde haverá uma dupla passagem por La Tornería (11,42 km; ES6 às 13h04 e ES9 às 16h25), Alles (7,94 km; ES7 às 13h54 e ES10 às 17h15) e Cobijeru (21,98 km; ES8 às 14h22 e ES11 às 18h25). A primeira volta por esta última contará como Power Stage, atribuindo-se pontos extra às três equipas mais rápidas. O final do rali está agendado para as 19h20, no palanque de chegada junto ao Parque Fechado de El Sablón, local onde às 21h30 terá lugar a Entrega de Prémios.

Coorganizada pela PEUGEOT Portugal e pela PEUGEOT Espanha e com a gestão logística a cargo da Sports & You, a PEUGEOT RALLY CUP IBÉRICA 2022 tem como parceira a Pirelli e os apoios da Vodafone, RACC e ACP.

** Notas: Horas locais, mais uma hora do que em Portugal Continental. As horas indicadas referem-se ao primeiro carro na estrada.

 

INFORMAÇÕES E FOTOS:

– em https://www.peugeotrallycupiberica.com/

– no Facebook https://www.facebook.com/peugeotrallycupiberica/

– Imagens da PEUGEOT RALLY CUP IBÉRICA para imprensa (livres de direitos editoriais) em https://aifa.smugmug.com/Motorsport/PEUGEOT-Rally-Cup

 

CONTACTOS:

PEUGEOT PORTUGAL – Jorge Magalhães |  jorge.magalhaes@stellantis.com | + 351 96 986 16 80

SPORTS & YOU – José Pedro Fontes | jpfontes@sportsandyou.pt | + 351 91 762 55 88

GOOD NEWS – Tito Morão | tmorao@goodnews.pt | + 351 91 840 00 01

José Pinheiro | jlpinheiro@goodnews.pt | + 351 91 565 32 73